giz_br 23 de outubro de 2023

Google transforma passkey em opção de login padrão no Gmail

Google transforma passkey em opção de login padrão no Gmail

As chaves de segurança (“passkeys” em inglês) são a nova aposta para tornar os logins mais seguros e mais rápidos. Pensando nisso, o Google passou a estimular o uso da tecnologia para acessar o Gmail, Google Drive e demais serviços.

Na semana passada, as chaves de segurança se tornaram a opção de acesso padrão para as Contas Google pessoais. “Isso significa que na próxima vez que você fizer login em sua conta, você passará a ver solicitações para criar e usar chaves de acesso”, orientaram.

A medida é válida para todo o ecossistema do Google, incluindo o YouTube, Google Maps, Google Play Store e afins.

O Google também informa que as configurações da conta também passaram a contar com a opção “Ignorar senha quando possível” ativada. Os usuários, no entanto, poderão desativar a função nesse primeiro momento. Afinal, ainda vai levar um tempinho até a tecnologia se tornar obrigatória e popular.

 

O que é passkey? Por que o Google quer incentivar o uso?

Mais conhecidas como passkey, as chaves de segurança oferecem uma alternativa ao login e senha como conhecemos e garantem mais segurança aos usuários.

A grosso modo, trata-se de uma chave de acesso que é guardada no dispositivo. Assim, os usuários podem entrar em contas de serviços compatíveis sem precisar do login e senha. É só aguardar a autenticação pelo passkey.

Rodrigo Rocha, gerente de pré-vendas da empresa de cibersegurança Compugraf, ressalta que o uso de passkeys eleva o nível de segurança na autenticação.

“O usuário deixa de utilizar o tradicional usuário e senha, e passa a usar um aplicativo que faz a autenticação no seu lugar”, explicou ao Giz Brasil. “Com esse método, fica praticamente impossível alguém conseguir roubar as credenciais de um usuário para fazer o login no seu lugar.”

A tecnologia também reduz a eficácia de ataques via phishing e garante agilidade aos usuários. Afinal, basta usar um PIN ou biometria, como impressão digital ou reconhecimento facial, para desbloquear o acesso. Bem mais simples do que digitar uma senha, por exemplo.

Por isso o Google quer expandir o uso do passkey: é mais seguro e é mais simples. A empresa também disse em seu blog que continuará a “incentivar a indústria a fazer a transição para o sem senha, visando a segurança do nosso ecossistema online – tornando as senhas uma raridade e, eventualmente, inexistentes”.

Resumindo: esse é o começo de uma longa (e bela) jornada.

Como configurar uma chave de acesso na Conta Google?

As chaves de acesso são compatíveis com celulares, computadores e tablets. Durante os meus testes nesta segunda-feira (16), consegui habilitar o recurso no 1Password para Windows 11. Mas também é possível configurar uma passkey em um navegador compatível, como o Google Chrome.

Saiba como configurar uma chave de acesso na Conta Google:

  1. Entre nas configurações da sua Conta Google;
  2. Acesse a opção “Segurança”;
  3. Escolha a opção “Chaves de acesso”;
  4. Digite a senha da sua conta para prosseguir;
  5. Toque em “Criar uma chave de acesso”;
  6. Siga as orientações oferecidas pelo Google.

“Os dispositivos Android criam chaves de acesso automaticamente quando você faz login na sua Conta do Google”, diz a descrição das configurações de passkey.

Compugraf

Especialista em segurança de dados e certificada por parceiros reconhecidos mundialmente, a Compugraf está pronta para proteger sua empresa na era digital.

O que procura?