Vinicius Gaidis 08 de maio de 2023

Zero Trust: entenda como a desconfiança é uma aliada essencial para a segurança da sua empresa

Com a crescente dos ambientes de TI e a evolução de ataques cibernéticos, a segurança da informação se tornou uma preocupação primordial para todas as empresas. O Zero Trust, uma abordagem de segurança que se populariza cada vez mais, busca combater essas ameaças com um modelo de segurança que não confia em nada e ninguém.

Esse conceito de segurança assume que todas as solicitações de acesso à rede são suspeitas, mesmo que venham de dentro da organização. Em outras palavras, o Zero Trust não assume que um usuário autenticado em um dispositivo seguro é automaticamente confiável. Em vez disso, usa uma série de verificações para autenticar e autorizar usuários, dispositivos e aplicativos antes de permitir que eles acessem a rede ou recursos de TI.

Os quatro princípios do Zero Trust:

  • Autenticação forte: Todos os usuários, dispositivos e aplicativos devem ser autenticados com base em sua identidade e contexto, como localização, hora do dia e dispositivo;
  • Autorização granular: O acesso a recursos deve ser concedido em um nível granular, permitindo que os usuários acessem apenas o que precisam para realizar suas tarefas;
  • Verificação contínua: O Zero Trust monitora continuamente as atividades dos usuários, dispositivos e aplicativos para detectar comportamentos anormais ou suspeitos;
  • Segurança do perímetro: essa abordagem não confia na rede interna, nem em nenhum dispositivo, aplicativo ou usuário, independentemente de onde estejam localizados.

Os benefícios da abordagem de confiança 0:

  • Proteção contra ameaças internas: O Zero Trust assume que todas as solicitações de acesso à rede são suspeitas, incluindo as de usuários internos. Isso ajuda a proteger contra ameaças internas, como funcionários mal-intencionados ou contas comprometidas;
  • Redução de riscos: O Zero Trust oferece um nível mais alto de segurança, reduzindo a exposição a ameaças cibernéticas. Isso ajuda a minimizar o risco de violações de dados e outros ataques cibernéticos;
  • Melhor conformidade: A abordagem ajuda as organizações a atender aos requisitos regulatórios e de conformidade;
  • Visibilidade aprimorada: O Zero Trust fornece visibilidade detalhada sobre quem está acessando a rede e quais recursos estão sendo acessados. Isso ajuda as organizações a identificarem ameaças potenciais e responderem rapidamente a incidentes de segurança.

Quer entender melhor sobre o assunto? Acesse o material completo clicando aqui!

Compugraf

Especialista em segurança de dados e certificada por parceiros reconhecidos mundialmente, a Compugraf está pronta para proteger sua empresa na era digital.

O que procura?